Porto Velho: Polícia Civil deflagra Operação Protozoa

Nesta terça-feira, 01.03, a Polícia Civil deflagrou a operação Protozoa, através do 1ºDP, efetuando o cumprimento de mandados de busca e apreensão em investigação relacionada a diversos roubos, especialmente no Baixo Madeira, em embarcações e terra firme, bem como a uma agência bancária em Porto Velho.

Durante as buscas foram apreendidos munições,  coletes balísticos,  rádio de comunicação, binóculo de visão noturna, um veículo roubado, aparelhos de televisão, dentre outros objetos.

Em virtude disso os investigados Rutemberg Luciano Arruda e Jones Ferreira Alves foram conduzidos até a sede da 1ªDP, onde foram autuados em flagrante por receptação e posse ilegal de munição.

A divulgação das imagens tem por objetivo auxiliar nas investigações tendo em vista a fundada suspeita de terem praticado outros roubos. Em caso de reconhecimento, as vítimas e testemunhas devem se dirigir até a delegacia de polícia onde tramita sua investigação.

O nome da operação Protozoa faz referência a um filo (classe) de parasitas que atacam o homem, de quem esses seres sobrevivem retirando recursos para sua sobrevivência.