Espigão do Oeste: Polícia Civil prende em flagrante suspeitos de roubo à joalheria

Na manhã desta  quinta-feira, 24.03, por volta das 8h00, dois infratores assaltaram uma joalheria em Espigão do Oeste.

Enquanto um deles ficou do lado de fora dando cobertura, o outro adentrou na loja simulando interesse em comprar uma corrente de ouro.

A funcionária foi buscar as peças, que ficam em local reservado, contudo foi seguida pelo infrator que anunciou o roubo, sacando uma arma de fogo, tipo revólver, e tomando o mostruário e exigindo que abrisse o cofre.

Uma funcionária conseguiu sair da loja, fazendo com que os infratores desistissem de levar mais valores e objetos, subtraindo o mostruário com aproximadamente R$ 70 mil reais em ouro, evadindo-se numa motocicleta.

Acionada a rádio patrulha da PM chegou ao local pouco depois da fuga dos infratores. Ao ser comunicada a Polícia Civil reforçou o contingente para a tentativa de esclarecer o crime.

De posse das informações preliminares as diligências prosseguiram. Policiais civis checaram informações sobre possíveis rotas de fuga, dentre elas a “Estrada do Calcário”, quando conseguiram abordar os suspeitos próximo da “Usina do Apertado”, próximo à BR 364, dando voz de prisão e recuperando os objetos roubados.

Os suspeitos foram identificados como Paulo Nogueira da Silva e Rogério Moreira, ambos do Mato Grosso, e estavam com uma motocicleta XT 660, azul, sem restrições de furto ou roubo.

Eles foram encaminhados à sede da Polícia Civil onde foram autuados em flagrante, como desdobramento do BO 655/16, elucidando os fatos em menos de cinco horas. Depois dos procedimentos foram encaminhados à cadeia municipal para ficar à disposição da justiça.

A divulgação das imagens visa auxiliar esta e outras investigações em andamento. Em caso de reconhecimento, vítima ou testemunha deve se dirigir até a Delegacia de Polícia onde tramita seu caso.