Polícia Judiciária Civil do Estado de Rondônia captura elemento que invadiu quartel da Polícia Militar em Parecis-RO

A Polícia Judiciária Civil do Estado de Rondônia, por intermédio da Delegacia de Polícia Civil de Candeias do Jamari-RO,  logrou êxito em capturar, na data de ontem, o foragido da justiça Gideão Cardoso do Nascimento, acusado de praticar de diversos crimes, entre eles: roubo a banco, latrocínio, feminicídio(tentado) e outros. Em seu desfavor, havia um Mandado de Prisão com a pena definitiva a cumprir de 18 anos e 10 meses.

Em 24 de novembro de 2015, Gideão e sua quadrilha aterrorizaram o município de Parecis-RO. De armas em punho, tipo pistolas e sub-metralhadoras, invadiram a agência do banco Sicoob,  fizeram de reféns: clientes e funcionários e subtraíram todo o dinheiro do cofre. Simultaneamente, a quadrilha cercou o quartel da Polícia Militar atiraram contra a caserna, impossibilitando a ação dos policiais de serviço. Na ocasião, o Cabo PM que comandava o Quartel informou que ação causou enormes prejuízos à mobília. A ação é conhecida como roubo do cangaço.

Policiais lotados no serviço de investigação e captura da Delegacia de Candeias monitorou as ações de Gideão por diversos dias e após intensa perseguição, lograram êxito em prende-lo, quando ele se homiziava num matagal, localizado na zona rural da região de Candeias do Jamary-RO.

A prisão de Gideão é de grande relevância ao combate a criminalidade no estado de Rondônia, pois ele é suspeito de haver participado de diversos roubos conhecidos como roubos do cangaço e outros quatros suspeitos já haviam sido presos pela equipe da Delegacia de Cacoal, ainda em novembro de 2015. Informou o Delegado titular de Candeias do Jamary-RO, Dr Cícero Cavalcante.

A Polícia Judiciária Civil do Estado de Rondônia enfatiza a importância da participação da população com toda e qualquer informação que possa auxiliar no combate ao crime, através do telefone 197.

 

Departamento de Comunicação da PCRO