JOGOS E DIVERSÕES DEFLAGRA OPERAÇÃO

Polícia Civil, através da Delegacia de Jogos e Diversões, deflagra primeira etapa da Operação “Trabalho tem que ser legal” em Porto Velho

A Polícia Civil, através da Delegacia de Jogos e Diversões, deflagrou nesta terça-feira (26/05) a operação “Trabalho tem que ser legal” e teve apoio da Delegacia do Consumidor para realização da mesma.

A primeira etapa desta operação ocorreu na região central de Porto Velho. Na sequência outras áreas serão alvo da mesma. Os suspeitos responderão por violação da propriedade intelectual e poderão pegar de 2 a 4 anos de prisão.

Durante a ação foram presos em flagrante 06 (seis) suspeitos, os quais foram conduzidos à delegacia e indiciados pelo delito. As equipes lograram êxito em apreender milhares de mídias piratas de filmes, músicas e jogos.

A operação “Trabalho tem que ser legal” foi coordenada pelo delegado Márcio Reis Maia. Participaram da ação cerca de 12 policiais (agentes, escrivães e delegados), além da presença de um perito criminal, os quais utilizaram cinco viaturas.

Diante do flagrante a Delegacia de Jogos e Diversões instaurou um Inquérito Policial para apuração dos fatos. Foi arbitrada fiança de um salário mínimo para cada autuado após a lavratura do auto de prisão em flagrante, e, conforme a lei responderão em liberdade.

Fonte: ASCOM/PC/RO