Polícia Civil finaliza ajustes para uso experimental de sistema de gravação de audiências

A Delegacia Geral de Polícia Civil, em busca de inovações e aprimoramento na execução das atividades de Polícia Judiciária, recebeu representantes de empresa de tecnologia para instalação e uso experimental de sistema de gravação de audiências.

Nesta segunda-feira, 13.06, o sistema foi apresentado para delegados de polícia e escrivães, e nesta terça-feira, 14.06, também para órgãos parceiros relacionados, como Ministério Público, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Detran, OAB. As apresentações ocorreram no auditório da Academia de Polícia.

O Delegado Geral de Polícia Civil, Eliseu Muller de Siqueira, conheceu o sistema e viabilizou a instalação e uso experimental. A ideia é que algumas delegacias da capital usem o sistema para que sua utilidade seja testada e comprovada, antes de uma possível aquisição definitiva.

O sistema de gravação de audiências permite agilidade na tomada de depoimentos, garantindo fidelidade de conteúdo ao gravar perguntas e respostas diretamente e ainda registrando expressões audiovisuais que não eram captadas em termos transcritos no papel.

Segundo a empresa, o mesmo sistema já vem sendo utilizado pelo Poder Judiciário de Rondônia, e em outros 10 estados em órgãos diversos.

A previsão é que o sistema seja utilizado pelo prazo de dez meses para após se deliberar pela aquisição, ou não, das licenças do software.