Instituto de Identificação Civil e Criminal recebe materiais para perícia papiloscópica

Na manhã desta terça-feira (24/10), o Instituto de Identificação Civil e Criminal “Engrácia da Costa Francisco” (IICC) da Polícia Civil do Estado de Rondônia recebeu novos materiais para o trabalho de perícia papiloscópica. A solenidade de entrega dos equipamentos profissionais aconteceu no auditório do Tribunal de Contas (TC) e contou com a presença do Governador, Dr. Confúcio Moura, do secretário de Segurança Pública, Cel. BM Lioberto Caetano, do Secretário de Planejamento, George Braga, do presidente do (TC), Edilson de Sousa, dos deputados estaduais Anderson do Singeperon, Adelino Follador, Edson Martins e Cleiton Roque, assim como, do Delegado-Geral da Polícia Civil, Eliseu Muller, do Diretor do Departamento de Polícia do Interior (DPI), Arismar Araújo, do Diretor do IICC, Júlio Kasper, delegados regionais e datiloscopistas de todo o interior e Capital de Rondônia.

É importante revelar que estes equipamentos é reflexo de uma parceria entre o Governo do Estado de Rondônia com a Assembleia Legislativa onde 13 deputados destinaram por meio de uma emenda coletiva aproximadamente R$ 419 mil, sendo que o custo do material adquirido foi de R$ 650 mil, neste caso, a complementação foi realizada pelo Governo de Rondônia por meio da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão que sensível ao serviço prestado pelo IICC efetivou a compra.

O Delegado-Geral da Polícia Civil de Rondônia, Eliseu Muller, explica que os novos materiais visa garantir a qualidade e efetividade da investigação criminal. ‘‘Os profissionais qualificados que atuam no Instituto terão melhores condições para buscar a autoria dos crimes através de uma coleta devidamente técnica e qualificada com provas que não deixam margem para confronto. E quem ganha com isso é o cidadão’’, disse Muller.

Para o Diretor do IICC, Júlio Kasper, o Instituto avançou bastante nos últimos anos com o apoio do Governo e Deputados. ‘‘O governo de Rondônia, assim como, os Deputados Estaduais estão investindo no Instituto de Identificação Civil e Criminal tanto na questão da infraestrutura quanto na aquisição de materiais como reagentes químicos e físicos para a realização de perícias papiloscópicas que são os exames realizados nas cenas de crime onde os datiloscopistas profissionais buscam vestígios de impressões papilares visando auxiliar as autoridades policiais na busca de autoria delitiva. O novo material irá possibilitar mais eficiência nos serviços prestados neste segmento promovido pelo IICC’’, afirma Júlio Kasper.

O Delegado da Polícia Civil e Diretor do Departamento de Polícia do Interior (DPI), Arismar Araújo, comenta que os materiais adquiridos ajudam a encontrar provas e elucidar crimes,  a iniciativa fará a diferença no combate à criminalidade no interior de Rondônia. ‘‘Já temos apresentado dados positivos na resolução de crimes, com os novos equipamentos, a tendência é aprimorar o serviço e aumentar a porcentagem das resoluções de crimes promovidos pela Polícia Civil, mais uma conquista para a nossa Instituição”, contempla o Delegado.

O Secretário Estadual de Segurança Pública, Cel. BM Lioberto Caetano, revela que foi a maior entrega de materiais periciais papiloscópicos da história do Instituto de Identificação Civil e Criminal. “Esta ação faz parte do projeto de Governo chamado ‘Rondônia Mais Segura” que visa atuar conjuntamente com as demais secretarias e Instituições públicas no combate e diminuição da criminalidade”, disse o Secretário.

Serviços

O Instituto de Identificação Civil e Criminal é responsável pela emissão do documento de identidade, identificação de corpos que dão entrada no Instituto Médico Legal (IML), assim como, pela representação facial humano, o retrato falado; a identificação criminal e a perícia papiloscopia.