JARU: PC DESVENDA HOMICÍDIO

Polícia Civil de Jaru desvenda caso de homicídio e prende acusado

Este homicídio ocorreu dia 15 de maio de 2012. A vítima foi encontrada boiando nas águas do Rio Jaru. A Polícia Técnica (perícia) de início constatou que a vítima foi assassinada por golpes de um objeto cortante.

Através de diligências os policiais descobriram que a vítima era conhecida pelo nome de Ivanildo, e que foi morto por três homens. Os suspeitos do homicídio são: Gilmar R., José M.R.S. e Edilson A.C., conhecido por “Baixinho”.

Os policiais civis localizaram Gilmar e José, os quais confessaram a autoria do crime e confirmaram a participação de Baixinho.

Os acusados informaram que os três juntamente com a vítima foram pescar no rio Jaru e acamparam próximo à margem. Durante a noite houve um desentendimento entre os três supostos infratores e a vítima. Essa discussão evolui para uma luta corporal, onde Gilmar desferiu vários golpes de facão contra Ivanildo, enquanto José e “Baixinho” o seguravam.

Depois destes fatos, eles pegaram a canoa de Sérgio I.S. emprestada, colocaram o corpo da vítima dentro da canoa e jogaram dentro do rio. Gilmar indicou aos policiais civis o local onde esconderam os pertences da vítima. Os quais já foram localizados.

Não há certeza sobre o nome da vítima, pois os policiais não encontraram nenhum familiar de Ivanildo. As únicas informações que obtiveram é que ele é originário de Eunápolis/BA.

A Polícia Civil encaminhará os da dos papiloscópios da vítima para todos os Estados brasileiros para pesquisa nos cadastros civis e criminais.

A autoridade policial representou pela prisão preventiva dos acusados, a qual foi expedida pelo Judiciário. Os policiais cumpriram os mandados de prisão contra Gilmar e José, os quais estão presos à disposição da Justiça. Edilson, vulgo “Baixinho” continua foragido. Qualquer notícia sobre seu paradeiro pode ser comunicado pelo 197 (Disque Denúncia da Polícia Civil).

Fonte: Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *