MIRANTE DA SERRA: PC PRENDE HOMICIDA

Polícia Civil de Mirante da Serra elucida bárbaro homicídio ocorrido em 2012 e prende um dos supostos assassinos

A equipe do serviço de investigações da Delegacia de Mirante da Serra/RO, cumpriu nesta quarta-feira (03/09) um mandado de prisão temporária em desfavor do nacional Sandro Fontes Costa, conhecido também como “RATO”, acusado pelo crime de homicídio qualificado ocorrido em maio de 2012 naquela localidade, cuja vítima foi José Lobato dos Reis, um senhor de 58 anos.
Após dois anos de investigações os policiais  conseguiram coletar indícios suficientes que ligavam o fato às pessoas de Adilson Basílio Pereira, sua cônjuge Edilaine Bandeira e o rapaz conhecido como RATO, com isto a autoridade policial solicitou junto ao Judiciário a expedição de mandado de prisão temporária em desfavor dos mesmos, que foi de pronto deferido.
Edilaine foi a primeira a ser capturada, e está presa há cerca de 45 dias, já Adilson Basílio, vulgo “NEGÃO”, foi assassinado em Monte Negro no último dia 23 de agosto, e nesta quarta-feira (09) o último envolvido (Sandro) foi capturado e recolhido à Casa de Detenção, onde permanecerá á disposição da Justiça. Sandro deverá ficar preso pelo menos 30 dias, podendo sua prisão ser convertida em prisão preventiva.
Com isso o delegado Julio Cesar de Souza Ferreira, responsável pela investigação, pretende colher os últimos elementos necessários para encerrar o inquérito ainda nesta semana. Segundo o delegado, as provas estão bem robustas e há laudo pericial dos locais onde a vítima foi encontrada e de onde foi morta.
O crime teria ocorrido por motivo torpe, qual seja, a vítima estaria dizendo na cidade que um dos parentes de Adilson estava cometendo crimes de furto, o que causou a ira do assassino e resultou na morte de José Lobato de forma cruel.
O delegado informa que, de acordo com as provas colhidas, José Lobato foi morto por esgorjamento (cortar o pescoço) e os assassinos esgotaram seu sangue no vaso sanitário para após jogá-lo a dois quarteirões da casa, em meio a um matagal, onde o corpo foi encontrado. A vítima, segundo as informações, implorou para não morrer.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *